Andre Johnson termina carreira

João Malha 31 de Outubro de 2016 Jogadores, NFL Comentários Desligados
AndreJohnson

Há uma semana foi Arian Forster. Hoje é Andre Johnson. Dois dos melhores jogadores dos Houston Texans das últimas décadas acabaram as suas carreiras no espaço de uma semana, com a curiosidade de ambos já não estar na franquia de Houston. Forster transferiu-se este ano para Miami mas rapidamente optou por pendurar as chuteiras. Andre Johnson já havia saído há mais tempo, tendo passado pelos Colts primeiro e agora pelos Titans, a quem informou que termina hoje a sua carreira desportiva.

Aos 35 anos, Johnson põe fim a uma carreira que teve como ponto alto 12 anos ao serviço dos Texans. O WR foi o mais bem sucedido jogador da história da franquia na sua posição, com 1062 receções nas fases regulares, 14.185 jardas e 70 TD. Em sete desses anos conseguiu mais de 1000 jardas, um feito que indica uma provável, ou quase certa, indicação para o Hall of Fame.

Nos Colts o sucesso já não atingiu os níveis de outrora, com o peso da idade a baixar os índices de produção, associado a um ano menos positivo dos Colts. Já este ano nos Titans, a produção foi ainda menos significativa, com apenas nove receções, para 85 jardas e dois TD.

Os relvados da NFL sentirão certamente falta deste receiver que marcou, sem dúvida, a última década da NFL.

About The Author

João Malha

Profissional da área de comunicação e marketing, e sempre ligado ao desporto, sempre me fascinou o conceito de showbiz dos norte-americanos no que toca à promoção de qualquer espectáculo desportivo. Quando em 2003, a SportTv transmitiu pela primeira vez o Super Bowl, com estrondosa vitória dos Buccaneers de John Gruden sobre os Raiders, a curiosidade cresceu e ano após anos comecei a seguir as transmissões do maior evento desportivo mundial. Mas como em tudo na vida (pelo menos na minha forma de estar), é preciso um motivo mais forte para nos agarrarmos às coisas. Uma paixão que nos alimenta. E foi isso que aconteceu em 2010, aquando da final de Miami, ganha pelos Saints frente aos Colts do lendário Peyton Manning. Nesse dia senti finalmente que aquela era a minha equipa! E o aparecimento da ESPN America ajudou a não mais largar este desporto espectacular, que sigo semanalmente. Na Week 1 da temporada 2012/2013, cumpri o sonho de ir ver um jogo dos Saints ao vivo, ao Mercedes-Benz Superdome. Não vi os Saints vencerem, mas quem sabe se não terei a oportunidade de dizer que assisti ao primeiro jogo na NFL de um dos maiores QB’s da sua história, Robert Griffin III. Ver os Saints ao vivo foi uma experiência única que me faz olhar para o desporto com outros olhos. Quero saber mais e mais sobre o jogo, a sua história, lendas, regras, tácticas, etc. Let’s play ball!!!!

barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online