Fantasy Football: NFL 2016 Week 2 Review

João Azevedo 26 de Setembro de 2016 Fantasy, Jogadores, NFL Comentários Desligados
NFL Fantasy

Fantasy Football – NFL 2016 Week 2 Review

Mais uma review de Fantasy Football atrasada, mas o tempo tem sido escasso. No entanto, nunca é tarde de mais para relembrar quem foram os jogadores com melhores pontuações na segunda semana da NFL. Espero que os tenham tido na vossa equipa!

QB da Semana – Cam Newton (Carolina Panthers)

Cam volta a ser o nº 1!

Cam volta a ser o nº 1!
Foto de: Bob Leverone – The Associated Press

Tal como eu disse, na Week 2, já se podia contar com bons números de Cam Newton e este não me deixou ficar mal lançando 353 jardas e 4 TD's, o que lhe deu uns gigantescos 29,82 pontos! Quem também voltou às performances que eu queria ver foi Tyrod Taylor que com 3 TD's e 297 jardas conseguiu 24,38 pontos. Mas Cam e Tyrod não são os nomes a destacar, ainda que tenha ficado em segundo nesta semana, Matt Ryan tem feito performances incríveis e com 396 jardas e 3 touchdowns, perfazendo um total de 27,84 pontos, volta à ribalta no Fantasy Football.

Eli Manning apesar das 368 jardas lançadas, não conseguiu marcar nenhum touchdown (o que é incrível, uma vez que estava a jogar contra os Saints), no entanto, conseguiu ficar à frente de Andrew Luck, que ao somar apenas 10 pontos volta a dar preocupações aos fãs de fantasy, esperemos que não se repita a desgraça do ano passado. Mas se estes dois desapontaram, Jameis Winston foi um absoluto desastre! Se tivesse ficado pelas 243 jardas e um touchdown, os seus números ainda seriam aceitáveis, mas Winston somou também quatro (sim, leram bem) intercepções! A defesa dos Cardinals não é uma brincadeira…

RB da Semana – Matt Forte (New York Jets)

Forte chegou aos Jets e já é a estrela do Gang Green.

Forte chegou aos Jets e já é a estrela do Gang Green.
Foto de: Brad Penner – USA Today Sports

Esta posição anda-me a deixar confuso este ano, mas se outros running backs o foram, Forte não foi uma surpresa para mim! Ser fã dos Jets tem as suas vantagens, uma delas foi perceber que Forte vai ser a peça ofensiva mais valiosa dos Jets este ano logo no training camp. Com 100 rushing yards, 3 touchdowns e 28,9 pontos, o número 22 dos Jets foi o segundo jogador mais pontuado esta semana a nível de fantasy.

Crowell (Cleveland Browns), Latavius Murray, LeGarrette Blount e Melvin Gordon melhoram as suas performances da semana passada e começam a dar-nos razões para confiarmos seguramente neles este ano.

DeAngelo Williams volta a fazer um bom jogo, apesar da queda de 10 pontos na sua produção, no entanto, 19,2 pontos continua a ser uma pontuação muito elevada, tendo sido o terceiro melhor RB esta semana.

Todd Gurley (7 pts) continua a não obter os resultados a que nos habituou o ano passado e Jeremy Hill (5,9 pts) fez um jogo apagado, em parte porque o seu colega, Gio Bernard fez um jogo tremendo, sobretudo porque o fez como receiver basicamente, recebendo para 100 jardas e 1 TD, o que resultou num total de 15,7 pontos.

WR da Semana – Stefon Diggs (Minnesota Vikings)

Diggs foi soberbo na segunda semana!

Diggs foi soberbo na segunda semana!
Foto de: Brad Rempel – USA Today Sports

Pois é, aqui não encontramos OBJ, Antonio Brown ou AJ Green, aliás os três foram muito pouco produtivos esta semana, sendo que os últimos dois nem chegaram a 4 pontos. Mas Diggs foi abismal, recebendo para 182 jardas e 1 TD; o seu caso é  semelhante ao que eu referi de Corey Coleman em Cleveland – Diggs é o único receiver que vale a pena ter dos Vikings. Aliás, já que referi o rookie, é impossível não falar da sua soberba atuação contra os Ravens: 104 receiving yards, 2 TD's, somando 22,4 pontos!

Decker (18,6) somou mais um TD contra uns Bills onde Goodwin (17,2) deverá substituir Watkins no “receiver a ter” de Buffalo. DeAndre Hopkins e Julio Jones melhoram as suas pontuações da semana passada para 17,3 e 16,6 respetivamente. Mas por acaso quero terminar com um fenómeno engraçado que eu apontei a semana passada: a dupla de benjamins. A seguir a Stefon Diggs, Travis Benjamin (dos Chargers) e Kelvin Benjamin (dos Panthers) fizeram dois excelentes jogos, ambos marcando dois TD's, ficando Travis à frente de Kelvin com 23,4 pontos contra 22,8.

TE da Semana – Greg Olsen (Carolina Panthers)

Olsen pode ser o melhor TE este ano.

Olsen pode ser o melhor TE este ano.
Foto de: Rafael Suanes – USA Today Sports

Parece que me espetei ao comprido com as minhas previsões da semana passada para esta posição. Seferian-Jenkins foi horrível, Gates também só somou 7,5 pontos. Apenas Dennis Pitta me fez justiça com 10,2 pontos.

Mas foi Greg Olsen dos Panthers quem se volta a assumir como um dos TE's mais produtivos do Fantasy Football ao receber 122 jardas e 1 TD para 18,2 pontos. Já Martellus Bennett conseguiu fazer esquecer Gronk com 17,4 pontos e Delanie Walker mostrou a razão pela qual é uma das minhas apostas para esta posição a longo prazo, com 14,3 pontos.

K da Semana – Graham Gano (Carolina Panthers)

Com 16 pontos, Gano foi o melhor kicker da Week 2

Com 16 pontos, Gano foi o melhor kicker da Week 2
Foto de: Christian Peterson – Getty Images

Terceiro jogador dos Panthers a ser o mais produtivo na sua posição esta semana, Gano marcou 4 extra points e 4 field goals, perfazendo 16 pontos. McManus (Denver Broncos) e Cairo Santos (Kansas City Chiefs) empatam em segundo lugar com 14 pontos.

D/ST da Semana – Arizona Cardinals

A defesa dos Cardinals impõe todo o respeito

A defesa dos Cardinals impõe todo o respeito
Foto de: Joe Camporeale – USA Today Sports

A defesa dos Cardinals foi incrível esta semana, para além de ter feito sofrer Jameis Winston com 3 sacks e 4 intercepções, ainda recuperaram 1 fumble, marcaram 1 TD e só sofreram 7 pontos.

Os Broncos também tiveram uma grande pontuação a nível defensivo, apesar de terem sofrido 20 pontos, fizeram 5 sacks, 1 intercepção, recuperaram um fumble e ainda marcaram 2 TD's.

About The Author

João Azevedo

Estou atualmente a licenciar-me em Ciência Política e Relações Internacionais, mas a minha paixão pelo futebol americano existe há imenso tempo. Este desporto aprisionou-me desde o primeiro segundo em que o vi e percebi que é sem dúvida o melhor desporto à face da terra! Gosto da vertente profissional e do college e sou um fã devoto dos New York Jets e dos Ohio State Buckeyes. Aquilo que mais quero, para além de ver os Jets ganharem um Super Bowl, é ajudar este desporto a crescer em Portugal e um dia, quem sabe, vir a ser treinador nesta modalidade. J-E- T-S! JETS! JETS! JETS!