LPFA 2015: Semana 6

André Amorim 12 de Janeiro de 2016 Jogos LPFA, Portugal Comentários Desligados
Coin Toss - Porto Renegades e Braga Warriors no Campo do Canelas

LPFA 2015: Semana 6

As emoções da Liga Portuguesa de Futebol Americano, voltaram!

Segunda Ronda

Em Lisboa voltávamos a ter um duelo entre Devils e Navigators. Depois de os Devils terem levado a melhor no primeiro duelo entre ambas as equipas, era esperado com alguma expectativa este segundo jogo entre as duas equipas. Os Navigators entraram em campo melhor e conseguiram marcar ainda no primeiro quarto após uma corrida de Marco Madeira. Os Devils tentavam responder mas uma interception já na redzone dos Navigators, interception feita pelo safety Filipe Cunha, deu nova oportunidade aos Navigators de marcar, algo que não conseguiriam pois a defesa dos Devils também causaria um turnover.

Corrida de Marco Madeira parada por Rubén Barros

Corrida de Marco Madeira parada por Rubén Barros
Foto de Alexandre de Sousa

Após esta quebra ofensiva dos Navigators a dupla quarterback Joey Bradley e wide receiver Collin Franklin começaria a funcionar e conseguiriam marcar por quatro vezes, ainda na primeira parte. Antes do intervalo os Navigators ainda voltariam a marcar com um passe do quarterback José Pedro para o wide receiver Filipe Marques. O resultado ao intervalo era de 30-14 a favor da equipa da casa.

Passe, catch a uma mão e touchdown por Collin Franklin dos Lisboa Devils Futebol Americano no jogo contra os Lisboa Navigators

Posted by Futebol Americano on Sunday, January 10, 2016

 

Já na segunda parte, com a chuva a intensificar-se, o jogo começava a causar alguns turnovers, maioritariamente fumbles. O jogo era bem disputado e havia touchdowns de parte a parte. Pelos Devils marcavam António Pires e Bernardo Solipa, ambos a passe de Joey Bradley. Nos Navigators marcavam José Pedro numa corrida já dentro da redzone dos Devils, bem como Nélson Fidalgo a passe do quarterback da equipa dos Navigators. O último touchdown do encontro seria numa corrida de 1 jarda de Malcolm Gasque que selaria a vitória da equipa da casa. O resultado final foi 48-26 num jogo com vários touchdowns de belo efeito e que acabou por presentear todos os presentes com um excelente jogo de futebol americano.

Continuidade

No jogo dos Porto Renegades e Braga Warriors teríamos frente a frente duas equipas que procuravam dar continuidade aos bons resultados alcançados recentemente. Ambas as equipas vinham de vitórias, estavam moralizadas e o jogo prometia ser equilibrado, bem disputado e com excelentes momentos. Os Braga Warriors entraram melhor no jogo e conseguiram marcar numa corrida de Gonçalo Leite onde após converteriam dois pontos. Os Renegades tentavam responder mas uma pick six do linebacker António Coelho aumentava a vantagem dos visitantes. Chegavamos ao intervalo com o resultado de 14-0 para os Warriors.

Já na segunda parte do encontro, os Renegades entraram mais assertivos e conseguiam produzir ofensivamente e a sua defesa exibia-se em bom plano. Foi dessa forma que marcavam com uma corrida de Luís Pinto, runningback. Após isto e com o jogo separado por um touchdown assistimos a uma batalha defensiva, de parte a parte, que não permitiu mais pontos nem alterações no resultado. Os Warriors venceram 14-6 os Renegades e consolidam a segunda posição no Grupo Norte.

Duelo inédito

Em Braga estavamos perante um duelo inédito em termos oficiais mas que já tinha ocorrido, não oficialmente, pelo menos duas vezes. Os Porto Mutts, invictos, viajavam até casa dos estreantes Black Knights para um jogo que era abençoado com um tempo que para a prática da maioria dos desportos é impraticável, mas não para o Futebol Americano.

Os Mutts entraram fortes e com a sua defesa sempre agressiva e bem preparada marcaram dois safeties, um por intermédio de Miguel Melo e outro por intermédio de Edson Silva. Após isso e com o ataque dos Mutts a começar a acertar, João Marques marcaria dois touchdowns de corrida e Alexandre Soares marcaria uma conversão de dois pontos. Ainda antes do intervalo os Black Knights, numa jogada de passe, marcariam o seu primeiro touchdown oficial na história da equipa. Estavamos com um parcial de 18-6 quando o árbitro apitou para o intervalo.

Na segunda parte as condições climatéricas pioraram imenso mas o jogo não parou. Os Black Knights bem lutaram mas infelizmente não conseguiram marcar novo touchdown e, a sua defesa, apesar de resiliente não conseguiu impedir três novos touchdowns para os Mutts. Foram três corridas, uma de João Marques, que marcava o seu terceiro do encontro e duas de António Neves, que selariam o resultado num 36-6 a favor dos visitantes. Com esta vitória os mutts permanecem invictos e os Black Knights encontraram o primeiro touchdown e seguem em busca da primeira vitória.

Próxima semana

Na próxima semana teremos dois duelos para a Liga Portuguesa de Futebol Americano. Os Lisboa Devils, os invictos do Grupo Sul, voltam a entrar em campo, desta feita para defrontar os Algarve Sharks que após dois desaires querem regressar às vitórias. Os Braga Warriors voltam, também eles, a entrar em campo para defrontar os Maia Mustangs que continuam sem vencer na competição. Dois jogos a não perder!

Legenda da Foto de Capa

Coin Toss – Porto Renegades e Braga Warriors no Campo do Canelas
Foto de PhotoSport

About The Author

André Amorim

Desde pequeno que adoro desporto e tive a oportunidade de fazer alguns, individuais e colectivos. O Futebol Americano surgiu na minha vida era eu um adolescente e desde então que estou ligado ao mesmo e tive a oportunidade de acompanhar o seu crescimento pelo Mundo e em particular no nosso Portugal. Competi durante seis anos nos Lisboa Navigators, tive a oportunidade de realizar jogos internacionais em Espanha e de me sagrar por quatro vezes campeão nacional de Futebol Americano. Mas foi em 2013 que aceitei um desafio maior e me juntei a um novo projecto, os Lisboa Devils, para assumir as funções de Head Coach. Durante todo este percurso, sempre tive ligado à divulgação e comunicação do desporto e fundei o FA Portugal, uma "entidade" que tenta reunir todos os jogadores, seguidores e amantes do futebol americano em Portugal e, em particular, da Liga Portuguesa de Futebol Americano. Aquilo que mais gosto do Futebol Americano é a capacidade que tem de nos fazer mudar processos nas nossas vidas e nos fazer crescer, quer seja como atletas, quer seja como pessoas perante a vida. Na NFL sou um "Niner" e dos meus maiores sonhos é um dia ter a oportunidade de ir a San Francisco e ver um jogo dos meus 49ers, algo que já consegui fazer mas numa das suas incursões a Londres.

barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online