Fantasy Football: NFL 2016 Week 2 Preview

João Azevedo 18 de Setembro de 2016 Fantasy, NFL Comentários Desligados
NFL Fantasy

Hype Trains and Sinking Ships

Sou uma pessoa que gosta de desafios, até de se desafiar a si própria, por isso todas as semanas, vou tentar ajudar-vos com as vossas equipas de Fantasy Football ao dizer quais os jogadores que eu acho que terão bons jogos e os que terão más performances.

Como digo sempre, isto não é uma ciência e sendo a NFL uma liga tão competitiva, tudo pode acontecer. No entanto, espero ajudar o melhor possível.

Nota: Uma vez que este artigo será publicado após quinta-feira (dia 15/09), os jogadores envolvidos na partida entre Jets e Bills já devem ter resultados definidos.

Hype Train

Quarterbacks

Sinto que Stafford terá uma boa época, a nível de fantasy

Sinto que Stafford terá uma boa época, a nível de fantasy
Foto de: Tim Fuller, USA Today Sports

Para esta semana já se pode contar com bons números do Super Cam, uma vez que os adversários dos Panthers são os 49ers. Mas para além deste dado, outros dois nomes que devem procurar são o de Eli Manning e Matthew Stafford. Os Giants defrontam uma das piores defesas da NFL e os Lions defrontam os Titans. No caso de Stafford, acho que a defesa adversária não é um fator, simplesmente acho que ele vai andar neste comboio a temporada toda! Uma performance sólida na primeira semana só me fez sentir mais confiante sobre tê-lo como QB principal.

Running backs

Gostava de ter ido a tempo de vos dizer para usarem o Matt Forte, mas não consegui. Pena… Forte demonstrou no primeiro jogo ser uma peça em quem os Jets vão confiar tanto na corrida como no passe e por isso, após as deficientes performances de Eric Decker e Brandon Marshall, o ground game seria o pilar deste ataque.

Mas ainda vou a tempo de vos de falar de Danny Woodhead e David Johnson. Woodhead joga contra uma defesa dos Jaguars em construção e é uma ameaça dupla, podendo ser usado como extra-receiver também e certamente será beneficiado com a lesão de Keenan Allen. A mesma situação se aplica a David Johnson que é também uma ameaça dupla, apesar dos Cardinals terem um bom número de alvos à sua disposição no que toca ao passe, e defronta a defesa dos Buccaneers.

Wide Receivers

Dois nomes aqui: Odell Beckham Jr, pelas mesmas razões que foram usadas para Eli Manning; e Doug Baldwin. O wide receiver dos Seahawks continua a ser o alvo favorito de Russell Wilson e vai jogar contra a defesa dos Rams, na sua própria casa – fico à espera de grandes números.

Kelvin Benjamin, que parece ter voltado em forma, tem também o já referido matchup contra os 49ers, o que é capaz de o tornar apelativo.

Outro Benjamin, desta vez Travis Benjamin, dos Chargers, é capaz de ficar com os targets de Keenan Allen, mas muita cautela com esta escolha.

Tight Ends, Kickers e D/ST’s

No que toca à posição de TE: Antonio Gates (Chargers), Seferian-Jenkins (Tampa Bay) e por alguma razão Dennis Pitta (Ravens). Não me perguntem exatamente o porquê de Pitta, sobretudo quando em Baltimore há tantos problemas com esta posição, mas é daquelas coisas…talvez seja por jogar contra os Browns. Gates, também deverá beneficiar da lesão de Allen e é capaz de ser um alvo na redzone, se os Chargers não se encontrarem demasiado próximos da goal line.

Já Seferian-Jenkins é uma arma a ponderar, não só para os jogadores de fantasy mas também para os Buccaneers. A pass defense dos Cardinals é forte, pequenos passes e rotas seguras para Seferian-Jenkins são essenciais para dar uma opção a Winston.

Gostkowski e Tucker são os kickers a considerar esta semana, bem como a defesa dos Seahawks. Aliás, a defesa dos Seahawks é bem capaz de ir acima dos 10 pontos, considerando que defrontam o ataque dos Rams.

A defesa dos Seahawks é a melhor opção esta semana. Depois existem aqui duas equipas que podem ter bons resultados: os Detroit Lions e os Baltimore Ravens. Estes últimos defrontam os Cleveland Browns como já disse, um matchup sempre favorável.

Sinking Ships

Case Keenum, QB, LA Rams

Acho que ninguém o tem na sua equipa, mas se tiverem, por favor, deixem-no ir ao fundo. Primeiro, não tem nenhum alvo para onde lançar a bola e então esta semana defronta a defesa dos Seahawks, nem vale a pena tê-lo no banco sequer.

Jamaal Charles, RB. Kansas City Chiefs

Esta semana escolham Ware em vez de Jamaal Charles

Esta semana escolham Ware em vez de Jamaal Charles
Foto de: Aaron Doster – USA Today Sports

Tenho dito e sublinhado: atenção ao histórico de lesões de Charles. Ainda que seja um RB com imenso talento, Jamaal Charles vem de uma temporada a recuperar duma rutura no ACL. Para quem não sabe, o ACL (sigla para ligamento cruzado anterior em inglês) situa-se no joelho e ainda que hoje em dia seja mais fácil recuperar desta lesão, muitas vezes limita os movimentos dos atletas. Uma rutura do ACL mal curada, torna impossível fazer todos aqueles truques que os atletas da NFL fazem: spins, jukes, shakes, etc…

Para esta semana voltem a usar o Spencer Ware, um backup mais que sólido para os Chiefs. Tenham apenas em atenção que terá pela frente a defesa dos Texans.

Sammy Watkins, WR, Buffalo Bills

Mais um jogador que eu gostava de ter ido a tempo de vos avisar, mas fica já aqui então o aviso para os próximos jogos: “Abandon all hope ye who enter here”. A famosa frase que se encontra nos portões do Inferno, na Divina Comédia de Dante, é capaz de ser a melhor maneira de vos manter afastados de Watkins e eu explico o porquê dessa necessidade. Sammy Watkins partiu um osso do pé nesta pré-temporada, se juntarem a isso o declínio que se fez sentir no final da época anterior, talvez comecem a ter a consciência de que Watkins não é uma aposta segura por agora. A prova disso é o jogo contra os Jets, onde apenas só conseguiu fazer 20 jardas, mostrando sinais de claras dificuldades. Os Bills estão a enviar um Sammy Watkins para dentro do campo que claramente ainda não recuperou de uma lesão grave e isso não inspira confiança nenhuma. Além disto, Marquise Goodwin já mostrou que é uma boao opção para ser WR1 em Buffalo.

Lesões e complicações

Keenan Allen é uma baixa de peso para os jogadores de Fantasy

Keenan Allen é uma baixa de peso para os jogadores de Fantasy
Foto de: The Times of San Diego

Robert Griffin III e Keenan Allen estão de fora para a época. Gronkowski ainda parece ser um ponto de interrogação, bem como Jonathan Stewart (RB), Demaryius Thomas (WR), Arian Foster (RB), Devante Parker (WR), Marcus Wheaton (WR) e Josh Doctson (WR). Tyler Eifert (TE), Chris Ivory (RB) e Zach Ertz (TE) estão de fora esta semana.

Face a estas notícias, penso que no que toca a Allen já vos disse como podem resolver a questão. No que toca a RGIII, tenham atenção ao passing game em Cleveland, Corey Coleman é o provavelmente o único receiver que vale a pena ter, juntamente com o TE Gary Barnidge.

No caso de Ivory, recorram a TJ Yeldon e no de Eifert escolham outro TE de outra equipa, de preferência, os que eu referi. Nas situações dos jogadores que estão em dúvida, prestem atenção ao que vão dizendo os relatórios.

About The Author

João Azevedo

Estou atualmente a licenciar-me em Ciência Política e Relações Internacionais, mas a minha paixão pelo futebol americano existe há imenso tempo. Este desporto aprisionou-me desde o primeiro segundo em que o vi e percebi que é sem dúvida o melhor desporto à face da terra! Gosto da vertente profissional e do college e sou um fã devoto dos New York Jets e dos Ohio State Buckeyes. Aquilo que mais quero, para além de ver os Jets ganharem um Super Bowl, é ajudar este desporto a crescer em Portugal e um dia, quem sabe, vir a ser treinador nesta modalidade. J-E- T-S! JETS! JETS! JETS!