Kickoff: Championship Weekend

João Malha 24 de Janeiro de 2016 NFL Comentários Desligados
NFL Divisional Round

Kickoff: Championship Weekend

Números e Curiosidades do Championship Weekend

  • Os Patriots igualaram a maior série de sempre de uma equipa em finais de conferência consecutivas, cujo recorde era detido pelos Raiders, entre 73-77. Os Patriots conseguem assim a quinta final consecutiva. Em comum têm um facto de em cinco finais, apenas por uma vez terem ganho o Super Bowl. Agora os Pats podem bater essa marca caso cheguem ao Super Bowl 50 e o vençam.
  • Peyton Manning é um dos três QB a jogar um SB por duas equipas distintas (a par de Kurt Warner e Craig Morton). Se conseguir repetir a final pelos Broncos, será o primeiro a conseguir mais do que uma final em duas equipas distintas. E se ganhar o Super Bowl será o primeiro a consegui-lo em duas equipas diferentes.
  • Tom Brady venceu os três jogos onde defrontou no postseason a melhor defesa da fase regular. A média nesses jogos foi curiosamente de 31 pontos por partida! Em Denver será a quarta vez que defrontará a melhor defesa da regular season. Conseguirá repetir a vitória e os números impressionantes?
  • Pela primeira vez na era do Super Bowl, irá haver um confronto entre duas equipas que na fase regular têm média de pontos marcados por jogo superior a 30. Panthers com 31.3 e Cardinals com 30.6 parecem prometer um jogo com muita emoção e TD.
  • Os Broncos ganharam 5 das 6 finais de conferência que acolheram no seu estádio e têm o registo de 3v-0d nos playoffs em casa frente aos Patriots. Números encorajadores em termos motivacionais para a franquia de Denver.
  • E vão 30 jogos seguidos com mais de 100 jardas em corrida para os Carolina Panthers. Registo apenas batido pelos Pittsburgh Steelers entre 74 e 76, com 37 jogos seguidos.
  • E se os ataques de Panthers e Cardinals asseguram muitos pontos, as defesas lideram em takeaways! Os Panthers somaram 39, que resultaram em 148, enquanto os Cardinals têm 33, para 140 pontos!
  • Em oito jogos nos playoffs na sua carreira, Larry Fitzgerald tem uma média de 114 jardas em receção e um total de 10 TD. É o único na história da NFL (com pelo menos 3 jogos nos Playoffs) a ter média superior a 100 jardas de receção e pelo menos mais do que 1 TD por jogo no postseason.
  • Cam Newton tem mais jardas em corrida esta época (636) do que Carson Palmer tem na sua carreira toda (424)!! Palmer nunca correu 15 jardas numa jogada em todo o seu percurso na NFL, que já é longo. Newton fê-lo sete vezes só este ano!

New England Patriots @Denver Broncos

Outrora seria mais um jogo de dois QB gigantescos. Pelo currículo continua a ser. Na prática nem por isso. Há sempre a expectativa que Manning regresse ao seu melhor, mas convenhamos que isso é pouco provável. Será o jogo de um dos melhores QB, Tom Brady, contra a melhor defesa da NFL. Curioso é reparar que Brady não se costuma intimidar com esses dados (se não leu em cima, regresse ao início do texto para perceber porquê).

A chave do encontro deverá estar em duas questões principais: será que o pass rush dos Broncos consegue incomodar Brady, que regra geral dispara a bola mais rápido que a própria sombra, qual Lucky Luck; e por outro lado, conseguirá o CB Chris Harris, dos Broncos, que tem tido problemas físicos, parar Julian Edelman, o receiver dos Pats que tem sido mortal ao longo de toda a época?

A resposta a estas duas questões poderá ser determinante no desfecho final. Isso e a capacidade dos Broncos repetirem o jogo fantástico de corrida aquando da vitória na fase regular sobre os Patriots, precisamente em Denver.

Arizona Cardinals @ Carolina Panthers

As duas equipas com mais pontos por jogo na fase regular e as duas defesas com mais takeaways no mesmo período da época. A perfeição não existe, mas ambas as equipas estiveram próximas dela, tais os seus registos defensivos e ofensivos.

Para os Panthers, a principal preocupação parece ser a capacidade de fechar os jogos. Em várias situações ao longo da época, em particular neste último jogo contra os Seahawks, a franquia de Charlotte vê vantagens largas acabarem em vantagens mínimas perto do final. A parte boa é que sempre que isso aconteceu, os Panthers acabaram por vencer.

Já os Cardinals terão de se preocupar em proteger Carson Palmer. Algo que não tem acontecido como esperado nos últimos dois jogos, o que perante um dos melhores pass rush da NFL, pode ser determinante.

Outra das preocupações dos homens do Arizona será certamente conseguirem parar o running game dos Panthers, o melhor da Liga. A tendência de fazer blitzes de todas as maneiras e feitios pode sair muito cara à defesa dos Cardinals, dado o manancial de opções dos Panthers pelo chão.

Um jogo que pode ser épico! Esperemos que cumpra a promessa.

Horários

Domingo, 24 Janeiro

New England at Denver – PT 8:05 PM; BR 6:05 PM

Arizona at Carolina – PT 11:40 PM; BR 9:40 PM

About The Author

João Malha

Profissional da área de comunicação e marketing, e sempre ligado ao desporto, sempre me fascinou o conceito de showbiz dos norte-americanos no que toca à promoção de qualquer espectáculo desportivo. Quando em 2003, a SportTv transmitiu pela primeira vez o Super Bowl, com estrondosa vitória dos Buccaneers de John Gruden sobre os Raiders, a curiosidade cresceu e ano após anos comecei a seguir as transmissões do maior evento desportivo mundial. Mas como em tudo na vida (pelo menos na minha forma de estar), é preciso um motivo mais forte para nos agarrarmos às coisas. Uma paixão que nos alimenta. E foi isso que aconteceu em 2010, aquando da final de Miami, ganha pelos Saints frente aos Colts do lendário Peyton Manning. Nesse dia senti finalmente que aquela era a minha equipa! E o aparecimento da ESPN America ajudou a não mais largar este desporto espectacular, que sigo semanalmente. Na Week 1 da temporada 2012/2013, cumpri o sonho de ir ver um jogo dos Saints ao vivo, ao Mercedes-Benz Superdome. Não vi os Saints vencerem, mas quem sabe se não terei a oportunidade de dizer que assisti ao primeiro jogo na NFL de um dos maiores QB’s da sua história, Robert Griffin III. Ver os Saints ao vivo foi uma experiência única que me faz olhar para o desporto com outros olhos. Quero saber mais e mais sobre o jogo, a sua história, lendas, regras, tácticas, etc. Let’s play ball!!!!

barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online