Playoff Picture: Week 10

Pedro Nuno Silva 16 de Novembro de 2012 Playoff Picture Comments

Playoff Picture: Week 10

Entramos, definitivamente, no período decisivo da temporada!

Playoff Picture - Week 10

Playoff Picture – Week 10

Ultrapassada a semana 10, não se verificou qualquer alteração no posicionamento das 6 equipas de cada Conferência com acesso aos playoffs.

Assim, na AFC, os Houston Texans (8-1) e os Baltimore Ravens (7-2), mantém os lugares 1 e 2, respectivamente, garantindo os dois lugares de acesso imediato à Divisional Round.

As quatro restantes posições são ocupadas pelas mesmas equipas da semana passada, que mantém, ainda, o mesmo registo todas elas (6-3): New England Patriots (3), Denver Broncos (4), Indianapolis Colts (5) e Pittsburgh Steelers (6). Vai ser uma luta renhida até ao fim da época regular.

Na corrida de acesso à post season mantém-se os San Diego Chargers (4-5) e os Miami Dolphins (4-5), a que se juntaram agora os Cincinnati Bengals (4-5) e os Tennessee Titans (4-6), por troca com os Oakland Raiders e os New York Jets, que, após as derrotas sofridas na última semana, afastaram-se ainda mais do sonho de poderem lutar pelo Super Bowl.

Também na NFC mantiveram-se as posições da semana passada, assinalando-se apenas que quer os Atlanta Falcons (8-1), na posição 1, quer os Chicago Bears (7-2), na posição 2, foram derrotados neste último fim-de-semana. Nos lugares 3 e 4 de acesso à Wildcard Week mantiveram-se os San Francisco 49ers (6-2-1) e os campeões New York Giants (6-4). As duas vagas restantes ficam, por agora, para os Green Bay Packers (6-3), na posição 5 e os surpreendentes Seattle Seahawks (6-4) na posição 6.

Atrás destas equipas e na luta por chegarem às 6 primeiras posições temos os Minnesota Vikings (6-4) e os Tampa Bay Buccanneers (5-4), que são agora acompanhados pelos New Orleans Saints (4-5) e pelos Dallas Cowboys (4-5), equipas que substituíram os Detroit Lions e os Arizona Cardinals no pelotão que persegue os 6 da frente.

About The Author

Pedro Nuno Silva

Português. Duriense de nascimento. Tripeiro de coração. Minhoto por adopção. Numa palavra: nortenho. Ou seja, tinha tudo para ser um ignorante sobre futebol americano. Mas a 2 de Fevereiro de 2009 tudo mudou graças a cerca de 2 minutos de um jogo que era até aí um mistério insondável! Os culpados? Todos os jogadores dos Steelers e dos Cardinals. Mas, em particular, Ben Roethlisberger e Santonio Holmes e aquele touchdown a 30 segundos do final do jogo num equilíbrio improvável e que desafiou as leis da física e se pode colocar ao lado de um qualquer volteio do mais virtuoso bailarino do Bolshoi. A paixão pelo jogo cresceu de tal forma que hoje olho à minha volta e acho estranha tanta algazarra por causa das vitórias do F.C.Porto, da nossa seleccção ou das birras do CR7. Definitivamente tornei-me num alien em pleno coração do Alto Minho!