Monday Morning Quarterback

Paulo Pereira 9 de Setembro de 2012 Comentários Desligados
Monday Morning Quarterback 3
Overall Score
4.5

Informação Histórica

Qualidade Escrita

Interesse

Aprendizagem

Preço

Sendo esta a primeira review e tendo eu a honra de abrir as hostilidades, a primeira obra apresentada aparece aqui, não por mero acaso, mas sem motivo relevante que a torne uma referência no género. Simplesmente, quando comecei a ter necessidade de mais informação, devorando tudo o que apanhava sobre a NFL, colidi com um dos gurus que começou, depois, a ser a minha companhia religiosa às segundas-feiras. Falo de Peter King, cronista da Sports Illustrated e autor do celebrizado “Monday Morning Quarterback”, onde disseca a actividade de fim-de-semana com uma qualidade acima da média. Tendo uma imensa legião de fãs e uma minoria de detractores, Peter King assume-se como um especialista no mundo do futebol americano. Os seus textos são sempre “sumarentos”, contando histórias passadas, analisando heróis improváveis ou examinando o trabalho de sapa feito por um general manager. No seguimento do sucesso que a rubrica teve, foi lançado em 2010 um livro que constituiu uma compilação dos seus melhores artigos. O “Monday Morning Quarterback” corria o risco de ser datado, com os artigos a terem um arco cronológico de mais de uma década. Mas o rigoroso trabalho de edição preveniu atempadamente isso mesmo. Mais do que capítulos hermeticamente fechados, todos eles se complementam numa abordagem leve mas que se devora num instante, mostrando personagens singulares que marcaram uma época na NFL.

Monday Morning Quarterback

Capa do Monday Morning Quarterback

Tem tudo. Análises profundas, pontuadas por momentos de humor e temperadas com clichés. Desde o rocambolesco draft de 2004, com Eli, Ben e Rivers a terem o destino nas mãos de Ernie Accorsi, GM dos Giants, com todos os pormenores contados de forma minuciosa, até a um desnudar da essência de Brett Favre, fora dos relvados e as luzes dos holofotes. Mais do que um compêndio, o livro é um mosaico de histórias e personagens que, ao longo de décadas, foram cimentando a ideia de que o Futebol Americano é mais do que um jogo. É um modo de vida.

Pode ser adquirido em inúmeras livrarias online. O meu exemplar veio da www.amazon.co.uk, e custou 9,83 libras (a versão capa dura), acrescido dos portes.

About The Author

Paulo Pereira

O meu epitáfio, um dia mais tarde, poderá dizer: “aqui jaz Paulo Pereira, junkie em futebol americano”. A realidade é mesmo essa. Sou viciado. Renascido em 2008, quando por mero acaso apanhei o Super Bowl dos Steelers/Cardinals, fiz um reset em [quase] todos os meus dogmas. Aquele desporto estranho, jogado de capacete, entranhou-se no meu ADN, assumindo-se como parte integrante da minha personalidade. Adepto dos Vikings por gostar, simplesmente, de jogadores que desafiam os limites. Brett Favre entra nessa categoria: A de MITO.

Comments are closed.