Razões para Amar o Futebol Americano

João Azevedo 18 de Agosto de 2016 Diversos Comentários Desligados
Love Football

Razões para Amar o Futebol Americano

Se gostas de futebol americano tanto como eu já sabes isto tudo, mas sabes também o quão frustrante pode ser seres a única pessoa que adora esta modalidade num grupo de amigos. Provavelmente já tentaste explicar-lhes o porquê dessa adoração e não conseguiste porque não é algo que se explique, mas que se sente. No entanto, este artigo é uma boa maneira de converteres os teus amigos a esta “religião”. Também é um bom artigo para todos aqueles que demonstram interesse neste desporto mas ainda estão indecisos na sua opinião sobre ele. Assim aqui têm um conjunto de razões para gostar do verdadeiro football.

O Espetáculo de Cada Jogo

A Spear usada pela FSU

A lança em chamas antes dos jogos dos Seminoles
Foto de Melina Vastola – USA Today Sports

Cada jogo não é feito só pelos 60 minutos jogados em campo, é também todo o espetáculo que o rodeia. As equipas têm os seus rituais e tradições e o momento em que os atletas pisam o campo é rodeado de pompa e cirscunstância. Provavelmente o espetáculo mais conhecido é o Halftime Show do Super Bowl, mas há muito mais para além disso, quer seja a entrada dos Seahawks guiada por um falcão ou a tradição da lança a arder espetada por um cavaleiro índio no estádio em Tallahassee, típica dos Seminoles; não há desporto com rituais mais entusiasmantes que este.

D-fense! Porque Atacar Não Chega

Von Miller faz um sack

Von Miller faz um sack
Foto de Mark J. Rebilas – USA Today

O futebol americano não é só atacar, se noutros desportos os defesas raramente são reconhecidos ou raramente marcam pontos ou golos, aqui os defesas são muitas vezes autênticas estrelas e muitas vezes os MVP’s! Devido ao facto de o ataque e a defesa da mesma equipa não estarem em campo ao mesmo tempo, não importa se o ataque marca um touchdown em todas as posses de bola quando a defesa não tem a capacidade de travar o ataque adversário. Não há nada melhor que ver um defesa da tua equipa fazer um sack ao quarterback ou interceptar uma bola para marcar um touchdown!

Individualidades Coletivas

Se gostas de desportos individuais, este desporto é para ti; se gostas de modalidades coletivas, também! Aqui, todos os jogadores são atletas excecionais a nível individual e a soma dessas individualidades cria um grupo excecional. Se realmente conheces bem o football sabes que os quarterbacks, os wide receivers e os running backs são as estrelas ofensivas, mas que a ofensive line é muitas vezes a verdadeira responsável pelo seu brilho. Afinal, o general não é nada se os guardas não o souberem proteger.

A Cultura do Football

A cultura que existe por trás do futebol americano é gigantesca. Desde livros, a filmes, séries, músicas ou videojogos, este pode ser encontrado em qualquer lado, basta procurar. É um desporto cuja cultura faz parte da história de muitas pequenas cidades nos Estados Unidos e onde em cada esquina encontras um expert sobre a equipa da sua pequena terra. Neste desporto nascem lendas e mitos, até mesmo milagres. Aqui no site, basta veres o separador das reviews se quiseres saber mais à cerca de toda a cultura que rodeia este desporto.

À tua Medida

É a melhor modalidade de se praticar, quer seja com amigos ou a nível competitivo. A verdade é que este desporto se adapta a diversos tipos de atletas: se és rápido e tens boas mãos, wide receiver talvez seja a tua posição; se lanças bem a bola e gostas de liderar, ser quarterback é mais indicado para ti ou se por outro lado tens um lado agressivo, gostas de libertar o stress e tens a força de um elefante, aposto que te vais safar bem como defensive lineman. Aqui há lugar para todos, mesmo que jogues à bola e não acertes bem na baliza, se calhar safas-te melhor como kicker de uma equipa deste futebol. No entanto, é um desporto exigente, certifica-te primeiro que estás disposto a trabalhar arduamente.

De Pessoas Inteligentes, para Pessoas Inteligentes

O futebol americano é um autêntico jogo de xadrez na medida em que também simula um campo de batalha. Quando duas equipas se confrontam, podes confiar que os seus treinadores são grandes estrategas e para além disso, muitos dos atletas são licenciados em universidades de topo nos EUA. Aqui, todos os coordenadores são especialistas em estratégia e para além de ser disputado dentro do campo, o football é também jogado nas linhas laterais onde o objetivo é entrar dentro da mente do adversário e saber o que vai acontecer a seguir, por isso, não admira que as jogadas sejam todas transmitidas através de nomes de código.

É Justo

Se estás farto de polémicas e de lances duvidosos, podes ter a certeza que vais adorar este desporto. Este desporto pode ser considerado o mais justo, na medida em que as equipas têm todas as mesmas oportunidades financeiras para contratar jogadores (o salary cap é igual para todas) e para serem competitivas e ainda além disso, dentro do campo, os árbitros têm sempre acesso aos replays das jogadas e todas as jogadas importantes são revistas por uma equipa de analistas em tempo real. Caso o árbitro não consulte o replay e o treinador não concordar com a decisão pode sempre lançar a sua bandeirinha vermelha para o obrigar a “abrir os olhos”.

Crescer Dentro e Fora de Campo

Desportivismo entre adversários

Desportivismo entre adversários
Foto de The Associated Press

Por último, mas porventura a razão mais importante para este desporto ser tão espetacular é pelo facto de desenvolver o carácter dos jogadores. No football só alcança o sucesso quem está disposto a trabalhar por ele. Os treinos são exaustivos e exigentes e por vezes, mais importante que a força física, é a psicológica. Muitas vezes é dentro da mente que este jogo é praticado, nas batalhas pessoais contra a exaustão e contra a dúvida pessoal. Assim, ao treinar a mente e corpo contra as adversidades, o futebol americano não só cria atletas melhores, mas também pessoas melhores. Muitos dos atletas desta modalidade nas ligas da NCAA acabam por não chegar à NFL, no entanto, conseguem ainda assim tornar-se pessoas bem sucedidas na vida devido ao nível de exigência que lhes é colocado também nos estudos. Neste desporto para além do talento natural, há o trabalho e a dedicação; a responsabilidade e a maturidade; aqui não há sorte, há suor; praticar futebol americano a nível competitivo é um compromisso contigo e com os outros, é um desafio constante para seres melhor e ainda que não seja fácil, no final, se o ultrapassares serás um ser mais completo, concretizado e preparado. Por isso se gostas deste desporto ou se tens interesse nele, procura começar a ver jogos da NFL ou da NCAA e se quiseres praticar a modalidade começa por procurar o clube mais perto de ti e de te informar sobre os treinos. Ah e não te esqueças do mais importante: diverte-te!


Créditos Imagem de Capa
Hea Poh Lin and Okan Benn

About The Author

João Azevedo

Estou atualmente a licenciar-me em Ciência Política e Relações Internacionais, mas a minha paixão pelo futebol americano existe há imenso tempo. Este desporto aprisionou-me desde o primeiro segundo em que o vi e percebi que é sem dúvida o melhor desporto à face da terra! Gosto da vertente profissional e do college e sou um fã devoto dos New York Jets e dos Ohio State Buckeyes. Aquilo que mais quero, para além de ver os Jets ganharem um Super Bowl, é ajudar este desporto a crescer em Portugal e um dia, quem sabe, vir a ser treinador nesta modalidade. J-E- T-S! JETS! JETS! JETS!

barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher barbour pas cher golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi golden goose saldi doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher doudoune moncler pas cher moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online moncler outlet online