San Francisco 49ers – Candlestick Park

Matthieu Rego 8 de Julho de 2012 Estádios NFL Comentários Desligados

The Stick

É na zona de Bayview Heights em São Francisco que os 49ers encontraram residência no Estádio conhecido como Candlestick Park. Localizado no parque epónimo, a estrutura criada nos anos 60 é mais conhecida pela sua longa relação com os antigos proprietários, a equipa de Baseball San Francisco Giants, que jogou naquele espaço durante cerca de 40 anos. Os 49ers não lhes ficam porém atrás pelo que iniciam a sua aventura com o Estádio em 1971 naquele que será muito depressa alcunhado “The Stick”.

Características do Candlestick Park

Concebido pela empresa de arquitetura John Bolles & Associates, o Estádio sofreu varias mutações ao longo dos anos que se traduzem no contraste entre o valor da construção, cerca de 15 milhões de dólares, para o seu valor acumulado atualmente, cerca de 118 milhões de dólares.

Com uma capacidade de 69.732 lugares o “The Stick” é conhecido pelas suas inóspitas condições atmosféricas. Com efeito a sua localização junto à costa tornam propícios climas ventosos, brumosos e particularmente frios que muitas vezes influenciam o jogo e são um teste à resistência das equipas visitantes e dos adeptos.

Candlestick Park

Plano do Candlestick Park

Momentos Históricos no Candlestick Park

Na História do Estádio recordam-se momentos como a inauguração do Presidente Nixon, da presença dos Raiders durante a temporada de 1961, de 8 jogos do campeonato NFC, várias competições de Baseball, o ultimo concerto dos Beatles e claro muitos momentos de grande Futebol nas mãos do lendário Joe Montana e da sua equipa.

O Candlestick vive neste momento os seus últimos dias como casa dos 49ers pelo que o futuro Estádio da equipa de São Francisco, localizado em Santa Clara, tem finalização prevista para 2014.


View Larger Map

About The Author

Matthieu Rego

Apaixonado pelo Extremo Oriente e a Cultura Americana, o Futebol Americano estendeu-me muitas vezes a mão sem eu nunca agarrá-la. Desde um misterioso boné dos Panthers aos 6 anos passando pelos jogos Madden dos 90 apanhados em feiras da ladra ou o anime Japonês Eyeshield 21, decidi um dia renovar a minha cultura desportiva enfrentando esta modalidade muitas vezes presente na cultura americana mas raramente explicada. O vício não tardou em nascer e é com o mago Brady que o meu coração de adepto dos Patriots formalizou a minha união com esta fantástica modalidade.